#Resenha: Lado a Lado

Primeira vez que leio um livro do Sérgio Chimatti, e me surpreendi com o conteúdo de ‘Lado a Lado’, um romance espírita que além dos ensinamentos kardecista, prega o amor e a aceitação perante às opções sexuais de cada ser.

Lado a Lado (Foto: Andy Santana)
Lado a Lado (Foto: Andy Santana)

Salete em sua adolescência se apaixona perdidamente pela sua grande amiga Dóris, este amor pode se dizer que é de vidas passadas. O amor que é confundido com posse, torna não só a relação e o relacionamento das duas abalados, bem como interfere na vida de outras pessoas.

A história se passa em diversas gerações da mesma família, no qual alguns envolvidos voltam à Terra em missão de resgatar rusgas passadas. No livro é abordado principalmente a aceitação perante as opções sexuais, o homossexualismo que muitas vezes é visto como doença no livro aparece como mais uma forma de amor. Amor entre mulheres e homens, que necessitam enfrentar o preconceito em busca da felicidade.

Dóris que na velhice vê sua filha passar por problemas conjugais tenta orientar sobre a melhor decisão, mas também enfrente uma batalha com o marido pois seu filho não é aceito pela opção sexual, um livro que me levou às lágrimas e me fez repensar várias coisas. Vale a pena a leitura.

Livro: Lado a Lado
Autora: Sérgio Chimatti
Editora: Vida & Consciência
Avaliação: 4/5
Páginas: 407

4 comentários em “#Resenha: Lado a Lado

  • agosto 22, 2016 em 12:37 am
    Permalink

    Eu gostaria de saber o valor do livro ! Obrigada!

    Resposta
    • agosto 22, 2016 em 12:56 am
      Permalink

      Infelizmente eu não sei te dizer o valor, mas dá uma pesquisada em sites que você pode encontrar um bom preço.
      Beijos

      Resposta
  • agosto 22, 2016 em 12:39 am
    Permalink

    Eu tbm li este livro é gostei muito, chorei muito, tenham certeza que podemos entrar neste romance e fazer parte dele como um forma de aprendizado e amor.

    Resposta
    • agosto 22, 2016 em 12:55 am
      Permalink

      Ana Paula, eu chorei também. É de uma delicadeza tocar em certo assuntos.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *